Nossa equipe de reportagem foi às ruas da cidade e falou com comerciantes locais sobre suas expectativas em relação à atuação da empresa no município.

Há pouco mais de 8 meses chegou a Campos Verdes a G44 Brasil, uma empresa especializada em gestão de criptomoedas, mineração de pedras e metais preciosos e prestação de serviços, e ali deu início a um audacioso projeto de mineração, com a construção de uma das maiores plantas industriais de exploração e beneficiamento de esmeraldas do Brasil, gerando mais de 120 empregos diretos e outras dezenas de empregos indiretos, sendo que 80% desses trabalhadores são do próprio município. Mas a empresa também recebe mão de obra de cidades da região, como Santa Terezinha de Goiás, Crixás e Itapaci.

Desde a chegada da G44 Mineração a Campos Verdes, a economia do município tem passado por mudanças significativas e vem melhorando gradativamente, refletindo no comércio local, que vinha sofrendo muito desde o início do declínio do comércio das pedras preciosas, que agora está sendo revigorado. Para avaliar o impacto desses avanços econômicos no município e como os empresários estão enxergando esse momento, nossa equipe de reportagem foi às ruas da cidade e falou com comerciantes locais sobre suas expectativas em relação à atuação da empresa no município. Todos destacaram melhorias em seus comércios e afirmaram que estão confiantes em dias ainda melhores. Veja abaixo, o que disse alguns de nossos entrevistados.

Para o empresário Neilton Rodrigues de Souza, proprietário da panificadora Mix Pão, a chegada da G44 ao município de Campos Verdes foi altamente positiva, pois, em sua opinião, está ajudando a cidade com a geração de empregos. “Sou fornecedor da G44 e não tenho nada do que reclamar. Os pagamentos são feitos em dia, no ato da compra e isso ajuda a movimentar a nossa economia. Eles estão gerando renda em nossa cidade, que estava precisando de outra fonte geradora de empregos e a G44 veio para suprir isso”, afirmou Neilton.

Carlos Roberto Pereira dos Santos, proprietário da Aliança Materiais para Construção, também destacou que o comércio de Campos Verdes sentiu, de forma positiva, a chegada da G44 ao município. “A empresa trouxe para nós um projeto muito animador, gerando emprego para muitas pessoas de forma direta e indireta e temos percebido um movimento maior no comércio local e na cidade, desde a sua chegada”, disse. Da mesma forma, Raniel Pereira da Silva, proprietário de um provedor de internet na cidade, enfatizou a geração de empregos na cidade, bem como o aumento de movimento nas ruas e comércios. “Já estamos aqui com nosso provedor de internet há 11 anos e, desde que a G44 chegou aqui, estamos vivenciando a melhor fase econômica do município, naquilo que se refere à geração de emprego e renda”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here